métricas no email marketing

8 métricas no e-mail marketing que sua empresa deve observar para ter resultados

métricas no email marketing
Confira as 8 métricas no e-mail marketing mais importante para quem usa a ferramenta de disparo de e-mail

As métricas no e-mail marketing são motivos de dúvidas por empreendedores digitais. É fato que o e-mail marketing se tornou uma das ferramentas de maior conversão em vendas, atingindo percentuais de até 10%.

Para obter boas taxas de conversão através do e-mail marketing é preciso observar as métricas, as quais fornecem dados relevantes e que permitem avaliar como está o desempenho, encontrar erros, implementar mudanças e obter resultados melhores.

Mas, quais métricas observar?

Criamos este conteúdo com 8 métricas no e-mail marketing relevantes para negócios e que irão ajuda-lo a obter resultados ainda melhores com a utilização desta ferramenta imprescindível.

Como funciona o e-mail marketing

O e-mail marketing é a ferramenta de conversão, relacionamento e engajamento mais utilizada e efetiva na internet.

Através de uma automação é possível criar um funil de vendas e disparar, automaticamente, de acordo com o interesse e comportamento dos receptores, e-mails específicos.

Isso permite criar uma experiência única, exclusiva e profunda com os leads da sua empresa.

O e-mail marketing tem um poder de conversão altíssimo e, quando os leads são nutridos corretamente, pode apresentar uma taxa de conversão média de 10%.

Isso, em termos de vendas e faturamento é o “sonho” de praticamente todos os empresários.

8 métricas de análise no e-mail marketing

  1. Taxa de crescimento da lista

A taxa de crescimento da base ou lista é um aspecto a ser avaliado com cuidado, porque trata de dois aspectos básicos e fundamentais:

  • Quantidade de descadastros
  • Quantidade de novos inscritos

Se a sua base está crescendo é provável que esteja tendo poucos descadastros e muitos novos inscritos, isso reflete na qualidade da sua landing page que deve ser eficiente. Ainda, caso  os descadastros sejam poucos, os e-mails estão corretos, não estão importunando o receptor e ao mesmo tempo a periodicidade está boa.

Agora, caso sua lista esteja caindo, abra os olhos e comece pela sua landing page e quantidade de visitas no site, é provável que este seja o problema.

  1. Taxa de abertura

A taxa de abertura do e-mail marketing é a métrica que corresponde a quantas pessoas clicaram para abrir o e-mail, não necessariamente o leram.

O objetivo do e-mail marketing tem 3 etapas:

  • Abrir;
  • Ler;
  • Clicar;

De nada adiantará você ter uma lista incrível, milhares de e-mails, mas, ao enviar e-mails, estes sequer serem abertos. Seus esforços são desnecessários e estará tendo custo.

Observe a taxa de abertura e se estiver ruim é provável que esteja cometendo algum dos erros abaixo:

  • Sua lista é ruim e as pessoas não tem interesse no seu nicho.
  • O assunto do e-mail está desinteressante e não chama a atenção.
  • Está caindo no spam.
  • Não foi concedida autorização pelo contato então não faz questão de abrir.
  • Seu e-mail não passa credibilidade.

Avalie os pontos acima e procure melhorar. O assunto deve causar curiosidade e instigar o contato, caso contrário não irá clicar, afinal, muitas pessoas recebem centenas de e-mails todos os dias, por que clicaria no seu se não for interessante?

  1. Taxa de cliques

A taxa de cliques é um dos pontos cruciais na conversão. O clique corresponde a uma ação, que é ler o conteúdo do e-mail e entrar na call to action (chamada de ação) e a partir disso ser encaminhado para uma página de vendas ou específica, com alto potencial de conversão e que irá explorar o produto.

A taxa de cliques depende da qualidade do texto do e-mail marketing e da forma que foi conduzido o potencial cliente, além da CTA. Caso esteja com problemas na taxa de cliques, observe esses pontos.

  1. Impacto no site

Qual é o impacto que o e-mail marketing está tendo no seu site? Seja no faturamento ou na quantidade de visitas.

Quando você dispara os e-mails poderá verificar quantas pessoas compraram seus produtos através dele, qual foi o relacionamento e avaliar como a prática está contribuindo para o seu negócio.

Faça uma comparação entre a utilização da ferramenta e outras formas como o tráfego orgânico, pago, redes sociais e etc.

  1. Taxa de descadastro

Uma alta taxa de descadastro apontada na métrica do e-mail marketing significa que seus e-mails estão importunando as pessoas ou o conteúdo é desinteressante.

Experimente alterar a frequência de envio e melhorar os conteúdos.

Muitas vezes o assunto está errado, é desinteressante para aquele nicho, neste caso você deve fazer a segmentação e trabalhar de forma especifica seus públicos por categorias.

  1. Taxa de conversão

A taxa de conversão é o ponto final, o objetivo que se tinha com o e-mail marketing.

Por exemplo, você enviou e-mails para direcionar as pessoas à página de vendas e com isso efetuá-la.

Quando todo este processo acontecer é computado como conversão.

Claro, pode-se pensar em outros tipos de conversão, é o caso do preenchimento de um formulário ou baixar um e-book.

A taxa de conversão baixa e alta quantidade de cliques significa que a página de captura tem problemas e merece mais atenção.

Uma boa dica para melhorar a página de vendas é utilizar vídeos, textos e imagens, mesclando e utilizando todos os canais de comunicação do potencial consumidor.

  1. Taxa de rejeição

Com esta taxa você irá monitorar os e-mails que não chegaram ao receptor, ou seja, que de alguma maneira foram barrados, seja pelo seu servidor de envio ou de recepção.

Um ponto importante a avaliar na taxa de rejeição são os e-mails que caem na caixa spam, caso você perceba uma taxa de rejeição muito alta, procure modificar seus e-mails, é provável que alguns elementos estejam sendo “taxados” como spam pelo provedor do contato.

Muitas das ferramentas de e-mail marketing fazem uma avaliação automática do conteúdo do e-mail para reduzir os riscos de cair na caixa de spam, mas às vezes não é suficiente ou é utilizado erroneamente.

  1. ROI – Retorno sobre investimento

Afinal, o que você busca com o envio de e-mails? Faturar mais, correto?

Analisar o ROI significa verificar, quanto você está ganhando em cima do custo que está possuindo.

Por exemplo, ao descobrir que o custo por aquisição de cliente é R$ 5,00 reais e que cada um está gerando um lucro de R$ 500 reais, é claro que sua empresa está lucrando alto com a utilização do e-mail marketing.

O ROI irá demonstrar o retorno sobre o investimento e deve ser observado sempre!

Dúvidas quanto às métricas no e-mail marketing? Comente para ajuda-lo!

Publicado por

Matheus Amaral

Redator profissional, especializado em marketing digital e que adora curtir uma viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *